Allo Consultoria - Mix de marketing

Quando ouvimos falar em mix de marketing o primeiro conceito que vem à mente são os 4 Ps, no entanto, essa metodologia não é a única existente para ajudar as empresas a promoverem seus produtos e serviços.

Nesse sentido, além dos 4 Ps, novas variações surgiram ao longo do tempo. Estamos falando dos 4 Cs e dos 4 As, onde cada um tem suas características, abordagens e finalidades.

Ficou curioso para saber de todos esses elementos e como eles influenciam suas estratégias de marketing? Então continue a leitura deste artigo e saiba mais!

Leia também:

Os 4 Ps do marketing

Aqui começa a nossa jornada pelo mix de marketing, afinal, o conceito dos 4 Ps é a base do marketing, embora já se fale das outras estratégias, as quais veremos a seguir.

Seu foco é o produto ou o serviço comercializado pela empresa, onde a sua maior preocupação será como atingir o público-alvo e como eles terão acesso ao que a empresa produz.

Assim, vejamos a sua composição:

  • Produto — lida com as especificações do bem ou serviço e as formas como ele se relaciona com as necessidades do usuário. Devem ser considerados: embalagem, brand, design, qualidade, garantia, entre outros elementos;
  • Preço — definição do preço para o produto, incluindo descontos e financiamentos. Considera não apenas os fatores financeiros, como também os psicológicos de uma precificação;
  • Praça — pode ser entendido como os canais de distribuição e como os produtos serão disponibilizados aos clientes;
  • Promoção — inclui a propaganda, relações públicas, assessoria de imprensa, boca a boca, venda pessoal e refere-se aos diferentes métodos de promoção do produto, marca ou empresa.

Os 4 Cs do marketing

Partindo para as variações do mix de marketing, começamos essa jornada pelos 4 Cs do marketing, uma estratégia complementar aos 4 Ps, porém, nesse caso, o foco passa a ser o cliente.

Vamos conhecê-lo?

  • Cliente — com base nas necessidades, demandas e desejos, o cliente se torna o protagonista na decisão de compra, por isso, as empresas buscam criar uma proposta de valor que seja relevante ao consumidor;
  • Custo — o conceito de custo vai além do preço, onde são considerados o custo de oportunidade para o cliente, os benefícios auferidos e demais elementos. Assim, o custo deve levar em consideração a análise global do produto ou serviço;
  • Conveniência — enquanto o P de praça envolve apenas o local de venda do produto, o 3º C tem uma abordagem mais abrangente e a conveniência que o cliente tem no acesso aos produtos e serviços demandados no seu processo de compra;
  • Comunicação — enquanto a promoção busca disponibilizar ao mercado as informações dos seus produtos e serviços, o C da comunicação vai além, onde seu propósito é estabelecer um canal de comunicação com o cliente e entendê-lo em totalidade, ajudando-o na tomada de decisão de compra.

Os 4 As do marketing

Por fim, chegamos ao conceito dos 4 As do marketing, onde a sua perspectiva gira em torno do negócio e do mercado, mas, nesse caso, adota um posicionamento sistêmico de marketing, partindo das opções que melhor se alinham com os objetivos organizacionais.

Conheça os seus elementos:

  • Análise — é a etapa que analisa as variáveis do ambiente externo da organização e que podem gerar oportunidades ou ameaças ao negócio. Nessa etapa é fundamental executar a pesquisa de mercado em busca de conhecer o ambiente, os concorrentes e demais fatores;
  • Adaptação — com base nos resultados da etapa anterior (análise) a empresa deve mobilizar os esforços para adequar seus produtos e serviços em busca de aproveitar as oportunidades mediante o que é demandado pelo mercado e, assim, conquistar vantagens competitivas;
  • Ativação — agora que você analisou, adaptou os seus produtos e serviços, chegou o momento de partir para a prática e ativar tudo o que foi planejado nas etapas anteriores;
  • Avaliação — a fase final dos 4 As é a avaliação, ou seja, verificar se tudo saiu como o planejado e medir os resultados, afinal, como já disse William Edwards Deming: “o que não é medido não é gerenciado”.

Salientamos que é plenamente possível a combinação dos três conceitos de mix de marketing, afinal, uma abordagem não inviabiliza as demais. Pelo contrário, saber mesclá-las colocará a sua empresa em posição favorável, de modo que, cada uma dessas estratégias tem foco em uma parte do marketing. Além disso, elas podem ser aplicadas tanto para o marketing digital, quanto para o marketing tradicional.

E você, já conhecia todas essas metodologias do mix de marketing? Para a Allo Consultoria Empresarial o conhecimento é a base do crescimento consistente das empresas! E se precisar de ajuda, conte com o nosso time de especialistas. Entre em contato conosco agora mesmo e fale com um dos nossos consultores.

Rafael Lima

Autor Rafael Lima

Administrador, atuação com foco em gestão, planejamento e finanças — CRA-RJ 20-88222. Fascinado pelo mundo empresarial, finanças e economia. Redator e produtor de conteúdo web da Allo Consultoria Empresarial.

Mais artigos de Rafael Lima

Deixe o seu comentário